Manifestações Artísticas em Prol do Respeito à Diferença

Todo mundo gosta de ver filmes, assistir peças teatrais, ouvir música. Imagine não poder ouvir e nem enxergar o que se passa em sua volta. Já pensou como é difícil?

Pensando nisso a MA COMPANHIA de Teatro, Danças e Assemelhados. Incorporaram a audiodescrição e língua de sinais na peça. São os atores que descrevem o que se passa em cena e realizam a interpretação em libras, tudo isso enquanto atuam.

Muitas adaptações de livros foram para os palcos, porém, essa tem um toque muito especial. A nova peça da Companhia é uma adaptação do livro de Pedro Bandeira “É Proibido Miar”. O que motivou a peça ser feita com interpretação e com acessibilidade foi o tema da peça: Respeitar a Diferença.

17503776

A peça conta a história do cachorrinho BINGO, que faz amizade com um gato. No momento solene do primeiro latido BINGO surpreende a família com um miado. Após a rejeição, tem início sua desventura, ele é levado pela carrocinha e segue sofrendo preconceito de outros cachorros

Assim como na história de BINGO, na vida real muitas pessoas com deficiências, sejam visuais ou auditivas, sofrem no seu dia a dia. Coisas normais do nosso cotidiano ficam difíceis de serem feitas. Andar de ônibus sozinho, por exemplo, se torna algo extremamente desgastante.

Certa vez presenciei uma cena que me deixou horrorizada com a insensibilidade de algumas pessoas. Um senhor com deficiência auditiva (não possuía as duas orelhas) esperava o motorista da lotação para validar o seu cartão. O motorista, que não tinha visto a dificuldade do senhor, começou a gritar xingamentos com o deficiente auditivo, mostrando que, além da falta de sensibilidade, estava totalmente despreparado para conviver com pessoas com necessidades diferentes.

Esse não é um caso isolado. Com certeza você já presenciou alguma situação deste tipo, que te fez refletir e chegar a uma conclusão de que devemos fazer algo para mudar esse quadro.

Leve a atitude dessa companhia de teatro para sua vida como inspiração e pense como você pode ajudar as pessoas com dificuldades, mesmo que seja o mínimo de ajuda.

Por enquanto a peça “É Proibido Miar” só está em cartaz em Porto Alegre, mas você pode conferir uma pequena chamada da peça “É PROIBIDO MIAR” aqui.

Seria muito interessante ver um projeto de acessibilidade como esse para pessoas com necessidades especiais se expandir para outras cidades também, não é mesmo?

Pensando nisso, a RHODE está produzindo um projeto voltado para acessibilidade e inclusão social que irá atender uma população maior de pessoas surdas.

O musical infantil de inclusão social “Coração de Herói”, idealizado e dirigido por Liliane Zimermann, contará com intérpretes de libras como personagens no palco fazendo parte do enredo da peça. O foco do projeto é possibilitar as crianças momentos de diversão através das artes, com estímulos visuais das artes cênicas, proporcionando a vivência teatral como ferramenta de aprendizado.

Coração de Herói03

Gostou da ideia? Você pode fazer com que esse projeto dê certo!

Leve a atitude dessa companhia de teatro para sua vida como inspiração e pense como você pode ajudar as pessoas com dificuldades, mesmo que seja o mínimo de ajuda.

Entre em contato com a RHODE e saiba mais sobre como apoiar este emocionante Espetáculo Teatral de inclusão social: contato@rhodetm.com.br

Assim poderemos todos nos deliciar com uma peça divertida aqui em São Paulo, que sensibilizará toda a família para pensar em formas diferentes de estar no mundo.

Já pensou no que você pode fazer?

Juntos somos melhores! Vamos incluir!

131476289 (1)

Por Micaeli Alves

Comments are closed.